VIVENDO COMO UMA VISITANTE NA 3D

image

Mensagem de um irmão pleiadiano
Por Sandra M. Luz
01 de janeiro de 2017  

Já a algum tempo venho conversando telepaticamente com um Irmão Pleiadiano que vem respondendo à algumas perguntas minhas e de uma amiga.

Tem sido muito prazeroso conversar com ele e temos aprendido muito, mas agora estava conversando com ele sozinha quando ele me trouxe esta frase: “você tem que viver como uma visitante na 3D”. Pedi a ele se poderíamos escrever sobre isto e ele aceitou.

Ele começou dizendo – como você bem sabe a Terra é um planeta escola que permite viver várias experiências humanas.

A cada jornada você traz em seu interior todas as informações do que viveu (lições aprendidas e não aprendidas) e isto dá a você a possibilidade de aprender o que não foi aprendido e de ampliar também seus conhecimentos e ir mudando suas frequências.

Na 3D a maioria dos aprendizados são através da energia do sofrimento, mas ainda que está energia seja um tanto quanto desconfortável a vocês, ela tem um papel importante em suas vidas que é – buscar ajuda.

Se observarem a maioria de vocês só buscam a ajuda divina quando estão desesperados, quando já ouviram todos e não resolveu. Então resolvem silenciar suas mentes e suas ações externas e se abrir para Deus.

É exatamente neste instante quando o Ser resolve fazer sua conexão com Deus, que ele se permite ser preenchido, se permite sentir que está recebendo toda ajuda que necessita.

Deus, a Fonte, é preenchida de tudo que precisamos é o grande Gerador de Amor e Luz suprimento necessário para a existência de cada ser. Quando você não se abastece de amor e luz sente-se como um carro sem seu combustível.

A medida que você vai se abrindo para ser preenchido deste combustível divino vai permitindo também mudar sua frequência porque cada vez mais o amor e a luz estão preenchendo todo seu ser.
Isto vai trazendo a você a mudança de consciência, de pensamentos, sentimentos e ações e permitindo também que sua frequência auxilie onde estiver, com quem se conectar.

Muitos humanos vêm sentindo um desconforto maior ao elevarem suas frequências e se depararem com as atitudes de pessoas que estão em frequências mais baixas. Chamamos isto de “conflitos de frequência”. Eles passam a não aceitar as atitudes daqueles que não pensam como eles e tentam forçar uma situação.

Vivam como visitantes na 3D.

Quando visitam uma cidade vocês não precisam agir como aquelas pessoas daquela cidade, podem apenas observar a atitude das pessoas daquela cidade e lembrar que você apenas está ali de passagem e que quando desejar pode retornar para o seu lar de origem.

Puxa que legal, digo a ele não tinha pensado nisto, assim fica mais fácil.

Ele continua dizendo – você não tem que pensar como eles, fazer as mesmas coisas que eles fazem, mas você também pode mostrar a eles seus conhecimentos se eles quiserem ouvir.

O conflito ocorre quando alguém quer impor, forçar algo.
Quando não há competição, julgamento, crítica, cobrança, ego, não há conflito.

Cada ser é uma identidade única e quando você entende isto descobre que pode aprender com o outro e ele também pode aprender com você e isto será bom para ambos. Todos ganham quando compartilham e quando se respeitam.

É verdade digo a ele.
Agradeço a este irmão pleiadiano pelos ensinamentos.
Ele também agradece e diz que gosta de conversar e compartilhar.

Encerramos a conexão.
 
-…..—==I.=|=|..|=|=.I==—-…..-

Direitos Autorais: Sandra M. Luz   sandramluz2011@gmail.com
http://nososarcturianos.blogspot.com.br

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s